Selecione sua localização para ver o conteúdo específico para seu país

x

Planejamento De Demanda No Varejo

Como o tempo é escasso, as empresas de varejo devem se concentrar principalmente em fornecer o melhor serviço possível aos seus clientes.

Como o tempo é escasso, as empresas de varejo devem se concentrar principalmente em fornecer o melhor serviço possível aos seus clientes. No entanto, em muitas ocasiões, os gerentes de loja são limitados por terem que investir muito tempo em algo que poderia – e deveria – ser automatizado: o reabastecimento do ponto de venda.

O trabalho de um gerente de loja deve ser dividido em duas áreas principais: focar no atendimento aos clientes e gerenciar sua equipe. Mas a realidade é que definir os níveis de estoque para seus pontos de venda e fazer pedidos de reabastecimento (para garantir a disponibilidade de seus produtos) absorve grande parte do tempo que deveria ser dedicado nessas duas grandes tarefas.

Reabastecimento do ponto de venda

Para executar corretamente a tarefa de reabastecer sua loja, um gerente deve gerar uma previsão de demanda para cada um de seus produtos, levando em conta o tipo de demanda de cada item, analisando tendências, descobrindo se elas seguem padrões sazonais e se foram afetados por ações promocionais. Feito isso, você deve calcular o estoque de segurança para cada referência levando em consideração o nível de serviço que deseja oferecer para cada um e, finalmente, calcular o reabastecimento ótimo – ou transferências de outros pontos de venda – que se deve fazer para garantir o nível de serviço.

Por possuir fundamentalmente um perfil comercial, o gerente de loja típico geralmente não tem o treinamento necessário para calcular adequadamente a previsão de demanda de seus produtos e os ressuprimentos correspondentes. Este fator, juntamente com a falta de ferramentas adequadas, se traduz em inúmeras horas gastas tentando gerenciar o fornecimento do ponto de venda de forma mais ou menos coerente. Valiosas horas que devem ser usadas para servir clientes e gerenciar a equipe.

O trabalho de um gerente de loja deve basicamente ser dividido em duas áreas principais: focar no atendimento aos seus clientes e gerenciar seus equipamentos.

Essa situação cria uma dupla desvantagem para o varejista. Devido à enorme quantidade de horas investidas, o nível de serviço ao cliente e a gestão de sua equipe não são tão bons quanto deveriam, e devido à falta de treinamento e ferramentas, o fornecimento também não oferece a qualidade desejada.

A situação é ainda mais complicada pelas altas taxas de rotatividade de colaboradores no setor. Acontece com muita frequência: quando um gerente começa a se familiarizar com o processo de reabastecimento, ele muda de emprego. Dessa forma, o que acontece é que você perde uma valiosa fonte de conhecimento que força o varejista a reiniciar o processo novamente a cada nova contratação.

Automatizar é a solução

A solução para resolver esta situação é centralizar o processo e estabelecer um sistema de reabastecimento automático do ponto de venda. Para isso é necessário ter uma ferramenta especializada que:

  • Calcule a previsão de demanda para cada uma dos produtos dos pontos de venda
  • Calcule o estoque ideal para cada ponto e gere automaticamente pedidos de reabastecimento
  • Leve em conta, ao fazer estes cálculos, o padrão de demanda de cada referência, tendências, padrões sazonais, níveis desejados de serviço e etc, etc, etc.

Manter estoques balanceados em itens corretos, na quantidade correta para cada loja, otimizando o capital de giro

Um sistema de previsão de demanda e reabastecimento automático de lojas libera os responsáveis de calcular os níveis de estoque necessários e de gerar pedidos de reposição, permitindo-lhes ganhar um grande número de horas para atender seus clientes e gerenciar sua equipe.

A solução para resolver esta situação é centralizar o processo e estabelecer um sistema automático de reabastecimento do ponto de venda.

A gerência mantém a capacidade de tomar decisões

Isso significa que os gerentes de loja não poderão mais opinar sobre seus estoques? Pelo contrário! Os gerentes de cada loja têm informações valiosas sobre seus clientes, seus concorrentes e seu ambiente geográfico, o que pode enriquecer as informações geradas por um sistema de reabastecimento automático. Portanto, é aconselhável permitir que eles enriqueçam as informações geradas com sua própria contribuição, se necessário.

Esta forma de trabalhar será uma grande mudança para eles, libertando-os das incontáveis horas que dedicam a uma tarefa que os separam do que constitui a sua verdadeira missão: oferecer o melhor serviço possível aos seus clientes para maximizar as vendas.

No mundo do varejo, garantir a melhor disponibilidade e oferecer excelente atendimento ao cliente pode significar a diferença entre uma empresa de sucesso e uma que se esforça para sobreviver. Sem dúvida, clientes – e gerentes de loja, é claro – apreciarão a automação de um processo que pode e deve ser executado com ferramentas especializadas.

Fale com um especialista e veja como superar os desafios de estoque

especialista-planejamento-de-demanda-gestao-de-estoque

Luis Talib

Call_icon mail_icon LinkedIn_icon